Lisboa nomeada uma das 11 melhores cidades do mundo para se beber um café

Lisboa nomeada uma das 11 melhores cidades do mundo para se beber um café

Istambul (Turquia), Paris (França), Telavive (Israel), Kailua-Kona (Havai, Estados Unidos), Seattle (Washington), Melbourne (Austrália), Havana (Cuba), Adis Abeba (Etiópia), Santa Maria de Dota (Costa Rica), Roma (Itália) e … Lisboa!

Estas são, para o US Travel News, as onze melhores cidades do mundo para se tomar um café. Um excelente café, seja pela qualidade da bebida, hospitalidade e vida cultural ou excelentes esplanadas e bares.

A publicação norte-americana elogia a capital portuguesa pela sua bica, rival do café turco pela sua intensidade – “contém mais água que um expresso tradicional, mas vai para baixo com muita suavidade”.

A publicação elogia ainda as pastelarias portuguesas e a combinação entre café e pastel de nata. Finalmente, destaca a Rua Dom Pedro V, no Bairro Alto, como a melhor para se beber uma bica na capital portuguesa.

“Thomas Jefferson disse um dia que o café era a bebida favorita do mundo civilizado. E não andava muito longe da verdade. Esta bebida cafeinada traz-nos energia, promove produtividade e é uma delícia para milhões em todo o mundo”, conclui o US Travel News, realçando a importância de um bom café para uma experiência cultural.

 

Pontos altos e curiosidades do café, por cidade.

Istambul, Turquia

O café preto turco serviu de inspiração para outras cidades amantes de cafés. A capital turca, apesar da primazia do çay (chá), não descura um bom café.

Paris, França

Apesar do café parisiense não ser nada de especial, a atmosfera da cidade, com os seus bares e esplanadas, convidam a tomá-lo. Com leite, de preferência. É uma atmosfera mágica, com o tempo a correr mais lento.

Telavive, Israel

A cidade gosta de café gelado no Verão e quente no Inverno. É um café parecido com o turco: preto, intenso e rico.

Kailua-Kona, Havai, EUA

O solo vulcânico do Havai e as condições meteorológicas criam um clima ideal para o café do Havai, um dos mais deliciosos – e caros – do mundo.

Seattle, Washington

A cidade de Frasier – que passava parte dos episódios… a beber café – tem uma das melhores culturas de café do mundo. A Starbucks, aliás, iniciou aqui o seu império, em 1971. A cidade tem várias marcas independentes, muitas delas detidas por empresários locais. Em cada 100 mil habitantes de Seattle há 35 que têm um café. Impressionante, não?

Melbourne, Austrália

A capital australiana do café até tem um jornal dedicado ao tema, o Melbourne Coffee Review. Um caso único mundial, provavelmente.

Havana, Cuba

O café cubano, um shot de expresso com açúcar demerara, é um café curto, doce e cheio de cafeína. Delicioso.

Adis Abeba, Etiópia

É considerado o local de origem do café, por isso os seus habitantes respeitam a tradição de beber um excelente café. Na Etiópia, beber um café é sinal de respeito e amizade.

Santa Maria de Dota, Costa Rica

Os costa-riquenhos gostam tanto de café que se referem a ele com o grão de ouro. Desde o século XVIII que o País cultiva o popular Arábica, crème-de-la-crème.

Roma, Itália

Os italianos adoram café, e em Roma há um cheiro a cafeína no ar, seja um cappuccino, macchiato ou expresso.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores