Gato de três semanas sobrevive três dias dentro de uma estátua de Abe Lincoln

Gato de três semanas sobrevive três dias dentro de uma estátua de Abe Lincoln

Ninguém sabe como lá foi parar, mas a verdade é que um gato de apenas três semanas passou três dias a miar dentro de uma estátua da Abraham Lincoln na Flórida, Estados Unidos, sendo salvo por um bombeiro. O gato – a quem foi posto o nome de Abe, em homenagem ao ex-presidente norte-americano – gozou ainda de atenção mediática, a partir de uma reportagem da WFMY.

Segundo Daniel Davis, da associação Humane Society, o gato poderá ter entrado por um buraco no topo da estátua, mas a verdade é que ninguém sabe como ele lá foi parar.

“Não faço a mínina ideia, alguém me disse que há um buraco ali em cima, mas eu não estou a ver como um gato de três semanas consegue lá chegar”, explicou o responsável.

Com a ajuda dos bombeiros, Davis abriu um buraco na parte de trás da estátua, tentando não destruir a obra – construída à mão. Depois, um bombeiro entrou na estátua e salvou o gato. Agora, Abe vai ficar mais uns tempos com a Humane Society, até ser dado para adopção.

Comentários (Facebook):

Deixar uma resposta

Patrocinadores